Após denúncia do blog, câmara de Mossoró emite nota

Após a matéria publicada por este blog acerca da contratação irregular supostamente realizada pela Câmara Municipal de Mossoró, o ente emitiu nota, que segue abaixo:

NOTA À IMPRENSA

Câmara Municipal de Mossoró pratica ato legal

Referente à matéria que envolve a Câmara Municipal de Mossoró, publicada em 24 de setembro de 2021, no Blog do Agenor Melo, o Poder Legislativo informa, com base na Lei Federal 13.188/2015 (Direito de Resposta ou Retificação):

1 – O Poder Legislativo, por meio da Quixote Comunicação Ltda. (agência de publicidade licitada), realizou o curso Marketing Político e Assessoria Parlamentar, dias 16 e 19 de julho de 2021. Por se tratar de iniciativa de comunicação de natureza institucional, objeto para a qual a agência é contratada, pagou pela prestação do serviço, que foi executado e amplamente divulgado.

2 – Em razão da procura de gabinetes parlamentares e da necessidade de aprofundamento da capacitação na área, a administração da Casa iniciou processo licitatório, ainda inconcluso, para prestação de novo serviço. Diferentemente do anterior, realizado de forma coletiva, no plenário, o futuro treinamento será ministrado em cada gabinete, de maneira individualizada

3 – A Câmara Municipal de Mossoró lamenta a divulgação de notícia sem prévia checagem de informações, contrariando princípio básico do jornalismo, e repudia qualquer tentativa de imputar irregularidades à instituição.*Câmara Municipal de Mossoró*Palácio Rodolfo Fernandes_Mossoró, sexta-feira, 24 de setembro de 2021_

NOTA DO BLOG: A explicação da Câmara deixa algumas brechas que não fazem sentido.

Ora, se o primeiro serviço foi realizado em conjunto à agência de comunicação, porque não repetiu o feito?

Para mostrar a veracidade do que fora dito, porque não apresentou a comprovação do primeiro evento contratado e pago?

Sobre o segundo evento, a licitação não trouxe quando ocorrerá e porque justificar contratar diretamente por dispensa, e não pela agência de comunicação?

Por fim, a agência de comunicação está sendo usada para contratação de cursos de assessoria parlamentar?

Talvez tenha faltado não ao blog, mas à Câmara checar as informações repassadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao Topo