Escola municipal e prédio da secretaria de segurança de Mossoró tem energia cortada

Crianças que estudam na Escola Municipal André Luiz, localizada no bairro Aeroporto, zona oeste de Mossoró, não tiveram acesso à sala aula, no início da tarde desta quinta-feira, 31, porque a energia elétrica do prédio foi cortada por falta de pagamento. É mais um descaso da gestão do prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade) com a área da Educação.

A reportagem do JORNAL DE FATO foi ao local e encontrou as crianças na calçada da escola por volta das 13h. Uma funcionária da escola, que não quis se identificar, confirmou que a Neoenergia Cosern cortou o fornecimento da energia porque a Prefeitura de Mossoró não honrou o pagamento.

Pais de alunos estavam revoltados e cobrando providências urgentes. “Nossos filhos não podem ficar na calçada esperando que a Prefeitura cumpre a sua obrigação”, reclamou uma mãe, que pediu para não ser identificada. A sua filha estava no portão da escola.

No local, a informação dava conta que outras escolas municipais tiveram o fornecimento de energia cortado por falta de pagamento, como a Escola Raimunda Nogueira do Couto, no bairro Santo Antônio, e a Escola Marineide Pereira da Cunha, no conjunto Santo Delmira.

MAIS CORTE

A Neoenergia Cosern também cortou a energia do prédio sede da Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana, localizado ao lado da Igreja São João, no bairro Doze Anos.

Blog do César Santos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao Topo