Governo do RN mente para os professores sobre reajuste do piso

Os professores da rede estadual estão sendo enganados pelo governo do Estado, que afirma à categoria que a primeira parcela do piso de 2022, de 15,03%, será paga em folha suplementar em março. Isso é mentira. O reajuste só acontecerá caso o governo encaminhe Projeto de Lei e os deputados aprovem nas comissões internas e depois no plenário da Assembleia. O que ainda não aconteceu.

Todo o trâmite de aprovação das comissões parlamentares e depois do plenário da Assembleia Legislativa tem que acontecer como qualquer outro reajuste, como manda a Constituição, mas o governo não elaborou nenhuma Mensagem para os deputados até o momento, colocando em risco o pagamento do piso.

Além de comprometer o acordo que fez com os professores, a falha do governo está atrapalhando a formulação da folha de pagamento de março dos demais servidores.

O SINSP vai até a SEAD cobrar uma rápida resolução da secretária Virgínia Ferreira e da folha de pagamento.

SINSP/RN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao Topo