José Agripino não descarta candidatura em 2022

O ex-senador e ex-governador José Agripino Maia deixou aberta a possiblidade de ser candidato nas eleições do próximo ano no Rio Grande do Norte. Derrotado nas últimas eleições, quando concorreu para o cargo de deputado federal, ele diz que não tem ressentimentos pela derrota nas urnas, mas diz que o que faz falta é o “instrumento para continuar a trabalhar pelo Estado”.

Agripino Maia foi governador por dois mandatos e senador quatro vezes. Ele afirma que se sente “recompensado” pelo povo e pelos 40 anos de vida pública.

“Agora, você vai dizer: você não será candidato nunca mais? Ninguém pode dizer isso, até seria uma indelicadeza com o povo e com o eleitor, agora para que isso viesse a acontecer era preciso que fossem feitas pesquisas e que eu estivesse numa posição privilegiada. Vai acontecer isso ou não vai? Não sei. Eu vou perseguir isso? Não, vou perseguir a criação de um partido que dê, aqui no Estado e no Brasil a condição do centro democrático ganhar a eleição”, declarou o ex-senador em entrevista ao Hora Extra da Notícia, da 91.9 FM, nesta segunda-feira (20).

O ex-senador está participando ativamente das conversas em prol da fusão entre os partidos DEM e PSL. Segundo ele, a executiva do DEM vai se reunir amanhã (21) em Brasília para discutir melhor a ideia.

Caso dê certo, o partido será liderado por Agripino no Rio Grande do Norte e pretende colocar no taboleiro político um candidato de centro para disputar contra a governadora Fátima Bezerra.

Fonte: Portal Grande Ponto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo