Mossoró já tem dez nomes para as eleições estaduais do próximo ano

Mossoró tem, pelo menos, dez nomes colocados no tabuleiro das eleições 2022. Dois deles, candidatos certos: deputado federal Beto Rosado (Progressistas) e a deputada estadual Isolda Dantas (PT), que tentarão reeleição. Os demais nomes trabalham, de alguma forma, para viabilizar projetos à Assembleia Legislativa, Câmara dos Deputados e até ao Senado da República.

Quem puxa a extensa fila é a ex-prefeita Rosalba Ciarlini (Progressistas). Sem mandato desde 1º de janeiro deste ano, ela precisa ser candidata para continuar a sua carreira política vitoriosa. Rosalba foi prefeita quatro vezes, governadora e primeira mulher senadora pelo RN, e nas eleições do próximo ano tentará novo cargo eletivo.

A princípio, Rosalba seria candidata à deputada estadual, mas uma pesquisa recente redirecionou o projeto eleitoral, pelo menos, de público. A ex-prefeita apareceu entre os mais citados para o Senado da República na pesquisa Seta/Band Natal, dividindo posições com os pré-candidatos declarados ministros Fábio Faria (Comunicações) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), além do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT). Foi o suficiente para colocar a ex-prefeita de Mossoró entre os principais nomes ao Senado.

Rosalba, porém, ainda não admite, de público, uma candidatura em 2022. Na última vez que conversou com a reportagem do JORNAL DE FATO, disse que o seu nome é lembrado por amigos e correligionários, mas que não tinha uma decisão sobre o assunto. No entanto, admitiu que “se for a vontade do povo” não fugirá à luta.

Outro nome de Mossoró certo na disputa eleitoral do próximo ano é o do presidente da Câmara Municipal, Lawrence Amorim (Solidariedade). Ele já assumiu de público a pré-candidatura a deputado federal, cargo que concorreu em 2018 e terminou na primeira suplência de sua coligação, obtendo 24.551 votos.

Lawrence, que foi prefeito eleito e reeleito do município de Almino Afonso, ganhou fôlego em 2020 quando se elegeu vereador e, mesmo sendo o 12º mais votado, com 1.739 votos (1,26%), se cacifou para se eleger presidente da Câmara. A sua candidatura a deputado federal tem o apoio do prefeito Allyson Bezerra e faz parte da estratégia de ocupação de espaço do Solidariedade nas eleições 2022.

Também é da cota de Allyson outro nome de Mossoró no tabuleiro eleitoral. A primeira-dama Cinthia Pinheiro é vista como pré-candidata à deputada estadual. O prefeito nega, mas a sua companheira está cada vez mais presente nas ruas, cumprindo “agenda administrativa”, mesmo não ocupando cargo de forma oficial.

A lista de possíveis candidatos à Assembleia Legislativa tem ainda o empresário Jorge do Rosário (PL), que foi candidato a vice-prefeito na chapa de Rosalba em 2020, tendo sido derrotada por Allyson. Antes, em 2016, Jorge foi vice do candidato a prefeito Tião da Prest (PSDB), vencido nas urnas por Rosalba, e em 2018 tentou se eleger deputado estadual, ficando na quarta suplência de sua coligação com 23.512 votos (1,39%). Ele não declara abertamente se será candidato em 2022, mas já disse que a possibilidade existe.

A ex-deputada estadual Larissa Rosado (PSDB), atualmente vereadora, não nega que deseja voltar para a Assembleia Legislativa. A sua provável candidatura representará uma das alas políticas da família Rosado, liderada pela ex-vereadora e ex-deputada Sandra Rosado (PSDB).

Quem já assumiu a pré-candidatura à deputada estadual foi a ex-vereadora Aline Couto (PSDB). Apesar de não ter renovado o mandato em 2020, embora tenha sido a sétima mais votada em Mossoró com 2.259 votos (o quociente eleitoral prejudicou a sua eleição), Aline entende que é possível construir um caminho à Assembleia Legislativa. “Sou pré-candidata, sim”, disse, em contato recente com o JORNAL DE FATO.

A dezena de nomes de Mossoró no tabuleiro das eleições é completada pelo vereador Zé Peixeiro (Progressistas), o terceiro mais votado em 2020 com 3.034 votos, que sonha com um mandato na Assembleia Legislativa, e pelo meloeiro Luiz Roberto Barcelos, que deseja estrear na política-eleitoral como candidato ao Senado da República. Ele tem recebido incentivo do prefeito Allyson, embora de público os dois não admitam o projeto.

Defato.com

Um comentário em “Mossoró já tem dez nomes para as eleições estaduais do próximo ano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao Topo