Prefeitura de Umarizal emite nota de esclarecimento e falha nas explicações.

A prefeitura de Umarizal emitiu nota de esclarecimento acerca da matéria divulgada por este blog (leia aqui).

PREFEITURA MUNICIPAL DE UMARIZAL

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A respeito de notícias divulgadas no dia de hoje dando conta de desaprovação de contas da gestão Municipal de Umarizal alarmando sobre crimes de responsabilidade, temos a esclarecer o seguinte:

1. O processo de prestação de contas é bastante complexo, prova disso que quase todos os órgãos públicos nunca aprovam de forma imediata suas contas junto aos Tribunais de Contas, necessitando sempre de retificações, ajustes, complementos ou justificativas.

2. Esses ajustamentos são sempre na sua maioria de ordem técnica, jurídica ou contábil, implicando em desdobramentos até que tudo esteja sanado e pronto para aprovação.

3. É o que ocorre com as contas da gestão municipal em Umarizal. O TCE pediu retificações e esclarecimentos sobre alguns pontos, todos de ordem contábil e jurídica. A prefeitura está dentro do prazo que tem direito para prestar os esclarecimentos solicitados.

4. O que é mais importante que seja dito é que nenhum destes esclarecimentos solicitados são de ordem de desvio do dinheiro público, mau uso dos recursos ou qualquer outro tipo de irregularidades de má gestão. Repetimos, são apenas retificações de natureza técnica dada a complexidade dos sistemas de prestação de contas.

5. A gestão municipal de Umarizal tem gasto cada centavo arrecadado com absoluta transparência e buscando fazer sempre mais por menos. Estamos em contato permanente com o Ministério Público sempre no intuito de buscar orientação e com os diversos setores organizados da cidade, visando dar publicidade aos atos praticados.

6. Por fim, lamentamos a forma equivocada e distorcida como a notícia foi levada a alguns órgãos de mídia e redes sociais, com meias-verdades e sem apurar corretamente a informação, talvez com intuito de gerar dividendos políticos para interessados ocultos e mau intencionados.

Atenciosamente,

Prefeitura Municipal de Umarizal

Pelo teor da nota, me chamou atenção alguns pontos:

1) Quem responde a nota é a prefeitura, e não a prefeita, que insiste em misturar as figuras.

2) A nota nega desaprovação de contas, mas a matéria em momento algum versou sobre desaprovação de contas, mas sim que existem pareceres neste sentido, que ainda serão analisados pelo TCE.

3) Ao afirmar que ainda existem prazos, a prefeitura nega o que consta no relatório expedito pelo Tribunal de Contas, de que em um casos ocorreu à revelia.

4) Ora, como o TCE questionaria desvio de dinheiro ou qualquer afirmação deste tipo, quando a gestão sequer apresentou as contas?

5) E, por fim, denota-se que a Prefeitura (e não a prefeita) tentam desmentir os relatórios do TCE, entretanto sem êxito. As informações foram analisadas com base em relatórios e pareceres do Tribunal. Será que são “meias verdades”, como afirmado?

Ao que parece, para a prefeitura (e não para a prefeita, que calou-se), demonstrar situações como a exposta é atitude “mau-intencionada”.

Vai entender…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo